17/12/2018 16:43

Brasileiros buscam união contra novos prejuízos na próxima Libertadores

A Libertadores de 2018 ficou marcada de forma negativa para alguns clubes brasileiros. O ?Santos, pela escalação irregular de Carlos Sánchez, se viu punido pela Conmebol e praticamente alijado da disputa nas oitavas de final, em duelo contra o Independiente. Já o ?Cruzeiro, na partida de ida da fase de quartas de final diante do Boca Juniors, perdeu o zagueiro Dedé por conta de um erro de análise do VAR e não se cansou de reclamar até receber a autorização para escalá-lo no jogo de volta. Por sua vez, o ?Grêmio protestou de forma veemente no momento em que o técnico Marcelo Galhardo, do River Plate, passou por cima da lei ao trabalhar de forma ativa no encontro semifinal. Pois, para 2019, existe a ideia de as equipes que representarão País no torneio agirem de forma mais próxima para evitar novos prejuízos.



A ideia dos dirigentes é obter da entidade que comanda o futebol sul-americano a garantia de uma igualdade de tratamento na relação, principalmente, com rivais argentinos. Segundo Wagner Pires de Sá, presidente da Raposa, já houve um contato entre os clubes. “Temos que nos unir, clubes de futebol e CBF, para bater firme. Do contrário, seremos sempre prejudicados. E isso é muito triste. Ou fazemos a coisa séria ou vai esculhambar tudo”, disse ele em entrevista à Rádio Super Notícia

LEIA TAMBÉM:Galiotte descarta Pablo no Palmeiras, nega saída de Borja e quer segurar Marcos Rocha

Para Sá, tudo o que se falou mundo afora a respeito do que aconteceu principalmente na final da Libertadores - a segunda partida da decisão precisou ser jogada em Madri depois de a torcida do River ter atacado a delegação do Boca na chegada ao Monumental de Nuñez - pode pesar a favor das equipes brasileiras. “Espero que esse ano, com toda essa repercussão na imprensa internacional, que eles tratem essas coisas com mais seriedade”, concluiu. Na noite desta segunda-feira, ocorrerá o sorteio das chaves da competição. ?Palmeiras, Grêmio e Cruzeiro serão cabeças de chave, enquanto ?Inter, ?Flamengo e ?Atlético-PR serão distribuídos nos demais potes. Já ?São Paulo e ?Atlético-MG ainda precisarão passar por dois confrontos preliminares antes de serem alocados nos grupos.








Palmeiras, Libertadores 2019, Conmebol





VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Palmeiras da temporada

LEIA TAMBÉM:Agente de Gustavo Gómez confirma que Palmeiras adquiriu passe do zagueiro em definitivo (6)

LEIA TAMBÉM:[PARTICIPE]: Deixe sua mensagem de boas vindas para Ramires, o mais novo reforço do Verdão

2721 visitas - Fonte: 90min

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Celso Seidi     

Isso que da ter uma empresa privada com histórico de corrupção. A CBF sempre vai aceitar essas vergonhas... No máximo vão proteger o curintia e o framengu. O pq vcs ja sabem

Jefferson Manoel     

Não adianta nada ficar reclamando e não tomar atitude.

Esses clubes brasileiros... Os caras mamdam e desmandam e fazem o que querem com CBF e clubes do Brasil e abaixam a cabeça pra esses lixos de times de outros países. Os caras vêm aqui e jogam nas melhores e mais modernas arenas. Aí vamos jogar na Argentina, Uruguai, sai um escanteio e você sempre vê a mesma cena, trucentos policiais com escudo para proteger o jogador e esse poder bater o tiro de canto e pedrada comendo solta. Aqui, cai um copo de água no campo, o time brasileiro já perde mando de campo. Enquanto a CBF abaixar a cabeça pra esses caras, nada vai mudar.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias