18/6/2019 10:04

Vice para o Palmeiras há 20 anos, técnico da Venezuela lembra 'derrota equilibrada' no Palestra

Durante a coletiva de imprensa da última segunda-feira, Dudamel conversou com o FOXSports.com.br sobre a data feliz para os torcedores do Palmeiras

Foi há 20 anos. No dia 16 de junho de 1999, Zapata cobrou o último pênalti do Deportivo Cali direto nas placas de publicidade do antigo Palestra Itália. De boca aberta e do outro lado da trave, o então goleiro Marcos correu em direção da torcida. Naquela noite, o Palmeiras conquistava sua edição da Libertadores pela primeira vez na história. Após vencer o time colombiano no tempo normal por 2 a 1, o Verdão virou uma disputa nos pênaltis por 4 a 3 e ficou com o caneco.


O arqueiro rival, chamado Rafael Dudamel, fez de tudo naquela noite para que o Palmeiras não fosse campeão. Além da tradicional ‘cera’, o polêmico goleiro fechou a trave e ainda guardou a primeira penalidade do Deportivo Cali nas alternadas. Hoje, 20 anos depois, Dudamel é o atual comandante da seleção venezuelana, que encara o Brasil, nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova, em partida válida pela segunda rodada da fase de grupos da Copa América.

Durante a coletiva de imprensa da última segunda-feira, Dudamel conversou com o FOXSports.com.br sobre a data feliz para os torcedores do Palmeiras. Como o próprio venezuelano disse, relembrar tanta coisa seria como fazer uma ‘viagem no tempo’.

“Me lembro que o Palmeiras era dirigido pelo Scolari e tinha o Marcos, que era o meu colega. Em Cali, o Palmeiras foi agressivo nos primeiros 20, 25 minutos. Mas, logo em seguida, o Scolari disse: “voltem, voltem”. Conseguimos uma vitória por 1 a 0. E, no Parque Antártica, perdemos por 2 a 1 e erramos os dois últimos pênaltis. Mas foi uma série muito parelha. A diferença em casa de cada um foi fundamental. Tenho lembranças muito boas daquela final”, disse com um tom saudosista e com bom humor na coletiva.

Após vencer o Palmeiras por 1 a 0, o Deportivo Cali perdeu por 2 a 1 no Parque Antártica. Os gols foram marcados por Evair e Oseás para o Palmeiras e Zapata para os visitantes. Nas alternadas, Zinho perdeu a primeira cobrança. Porém, Bedoya e Zapara perderam os dois últimos e deram o título ao Palmeiras.




Palmeiras, Palestra, Libertadores, Venezuela



LEIA TAMBÉM: Rádio Gaúcha diz que Paolo Guerreiro está de malas prontas para o Palmeiras

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Mesmo com empate no Dérbi, ainda há chances do Palmeiras brigar pelo título brasileiro?

LEIA TAMBÉM: Verdão tem quatro centroavantes no elenco, mas só um tem permanência garantida, confira



1278 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Arena Fonte Nova - Globo,Premiere,TNT
Bahia
Palmeiras

Último jogo - Brasileiro

Sáb - 19:00 - Pacaembu - SP
Palmeiras
1 1
Corinthians
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Palmeiras
3 Santos
4 Grêmio
5 São Paulo
6 Atletico Paranaense
7 Internacional
8 Corinthians
9 Bahia
10 Goiás
11 Vasco DA Gama
12 Atletico-MG
13 Fortaleza EC
14 Botafogo
15 Ceará
16 Cruzeiro
17 Fluminense
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
77 32 24 5 3 68 26 42 VEVVV
67 32 19 10 3 51 24 27 VVVVE
64 32 19 7 6 48 28 20 EVVVV
56 32 16 8 8 55 32 23 VVVVV
52 32 14 10 8 32 23 9 VDVDD
50 32 14 8 10 45 31 14 VEVEV
49 32 14 7 11 37 32 5 VEDDV
49 32 12 13 7 36 29 7 EDDVE
43 32 11 10 11 35 33 2 DDEED
42 32 12 6 14 34 50 -16 DEVDD
42 32 11 9 12 31 37 -6 EDEDV
40 32 11 7 14 38 43 -5 DDEVE
39 32 11 6 15 39 44 -5 EVEDV
36 32 11 3 18 28 40 -12 DDDDV
36 32 10 6 16 32 32 0 EVDVD
35 32 7 14 11 26 36 -10 EVEEE
34 32 9 7 16 32 43 -11 EDEVD
29 32 7 8 17 21 47 -26 DVDDD
22 32 4 10 18 25 48 -23 EVDED
17 32 3 8 21 16 51 -35 DDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota