Relação abalada entre Palmeiras e Dudu: Abel inicia processo de reconstrução.

18/6/2024 13:20

Relação abalada entre Palmeiras e Dudu: Abel inicia processo de reconstrução.

Relação abalada entre Palmeiras e Dudu: Abel inicia processo de reconstrução.

Horas depois de Leila Pereira sentenciar que havia chegado ao fim o ciclo de Dudu no Palmeiras, o atacante foi às redes sociais para comunicar o contrário e dizer que não iria assinar com o Cruzeiro. Após a publicação do jogador, o clube entende que o caso está encerrado e irá cumprir o contrato vigente, válido até o fim de 2025.

A permanência do camisa 7 encerra um caso conturbado, que abalou a relação especialmente entre atleta e diretoria. O técnico Abel Ferreira deu o primeiro passo para o recomeço, ao dizer depois da goleada sobre o Atlético-MG que conta com o atacante e negar uma relação ruim entre eles. A condução das tratativas com o Cruzeiro gerou incômodo nas duas partes.

Dentro da diretoria, o entendimento foi de que a possibilidade de sair partiu de Dudu, e o clube só deu sequência para respeitar o desejo de um ídolo. A partir do momento em que aceitou a oferta de 4 milhões de dólares (cerca de R$ 21 milhões), o Palmeiras entendia que o assunto estava resolvido. Não criou entraves por entender que estava fazendo o que o jogador queria e consequentemente daria mais um passo na reformulação em curso no elenco, liberando um atleta de 32 anos e dono do maior salário do grupo.

Sábado, antes de o Verdão assinar a proposta, houve uma reunião entre Dudu e Anderson Barros. Embora tenha comunicado que gostaria de ir embora no começo do negócio, o atacante sinalizou ao diretor de futebol que poderia recuar do acordo, mas queria saber se o clube tinha a mesma intenção. Na sequência, o dirigente ainda falou com o empresário André Cury, que deu sinal verde para o acerto com o Cruzeiro.

O Cruzeiro anunciou algumas horas depois o acordo pela contratação do camisa 7, surpreendendo os envolvidos no negócio. Ao fim do dia, com toda a repercussão, Dudu decidiu que não iria assinar a transferência. A avaliação dentro da diretoria é de que o jogador conduziu mal o processo, uma vez que não havia planos de vendê-lo agora, e só se iniciou a negociação pela oferta levada por seu empresário.

A declaração dura de Leila Pereira ao sportv, pedindo para que Dudu cumprisse sua palavra e honrasse o acordo com o Cruzeiro, deixou claro o incômodo com o caso. O atacante, por sua vez, entendeu que o Palmeiras estava fazendo força para vendê-lo.

No último contato com a diretoria antes do anúncio da Raposa, o camisa 7 disse que não queria pedir uma renovação e entendia ter capacidade de brigar para recuperar seu espaço após a lesão no joelho direito. Sua principal frustração estava na relação distante que tem com a diretoria.







531 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

publicidade

Brasileiro

Qua - 21:30 - -
X
Fluminense
Palmeiras

Brasileiro

Sáb - 21:00 - Allianz Parque
2 X 0
Palmeiras
Cruzeiro