24/9/2014 08:11

Verdão se vê desacreditado por rivais e busca “vitória ou vitória”

Zagueiro Nathan tem como esperança a força da vontade do time para empatar com Flamengo

O Palmeiras atingiu o último lugar no Campeonato Brasileiro ao levar a maior goleada de sua história no torneio, perdendo por 6 a 0 para o Goiás no domingo. O time, porém, vem se sentindo desacreditado por lutar contra o rebaixamento no ano do centenário. Mas se cobra união para buscar o mais rápido possível a única solução contra a péssima fase: vencer.

“Agora não importa mais se é adversário direto ou indireto, se é o Vitória ou o Cruzeiro. Só nos interessa vencer. A situação é delicada, não dá mais para buscar empate. É vitória ou vitória”, definiu Nathan, que será titular na quinta-feira contra o Vitória, mais um que tentará se aproveitar do momento alviverde.

“Já entramos em campo desacreditados pelos outros. A torcida vaia e os times pensam assim quando vão jogar contra o Palmeiras, veem nossa situação. Tomar um, dois, três gols desestabiliza e desestrutura todo o time. Não é só com o Palmeiras, é com qualquer um”, relatou o zagueiro, cobrando autoconfiança.

“Se não acreditarmos em nós mesmos, não tem como sair da situação. Se pensar que estamos quase caindo para a segunda... Não podemos entrar com isso na cabeça. Temos que nos unir e acreditar que vamos fazer um bom jogo, reverter a situação e, jogo a jogo, buscar as vitórias”, ensinou.

Nathan tem 19 anos, pouco mais de três semanas e apenas dois jogos como profissional. Mas já presenciou a força de superação do criticado elenco. Há uma semana, a equipe foi para o intervalo vaiada no Pacaembu por perder de 2 a 0 para o Flamengo, mas conseguiu empatar a partida.

“Contra o Flamengo, tomamos 2 a 0 no primeiro tempo, nos unimos dentro do vestiário, focamos e a força do grupo nos fez empatar. Nessa hora, tem que se fechar, esquecer as críticas e ir atrás do resultado. Vi contra o Flamengo a força do grupo. Se entrarmos focados como naquele segundo tempo, sairemos fácil dessa situação”, indicou.

A sugestão do jovem jogador é união. “Não é o momento de chegar no vestiário e achar culpado. Agora é o momento de se unir, esquecer o que passou. Está tudo muito delicado, e cada um tem a sua parcela de culpa, mas temos que transformar os erros em resultados e buscar a vitória, nada mais”, apontou Nathan.



LEIA TAMBÉM: Mais um de saída? Clube da Arábia faz proposta por Raphael Veiga, do Palmeiras

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, quem é o substituto ideal de Dudu caso o atacante saia do Palmeiras?

LEIA TAMBÉM: Cadê a proposta? Veja os impasses que atrasam a formalização da proposta ao Palmeiras por Dudu


2142 visitas - Fonte: GazetaEsportiva

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Major José Levy Sobrinho
Inter de Limeira
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14