26/9/2014 13:02

Lista de dispensas pós-Goiás gera primeiro atrito entre Nobre e Dorival

Felipe Menezes, que se preocupou em deixar o bigode mesmo sendo reserva em time com improvisados na sua posição, vai ao banco como prova do apoio de Dorival ao elenco

Em sua terceira semana de trabalho no Palmeiras, o técnico contratado para evitar o rebaixamento no Brasileiro na temporada do centenário do clube já bate de frente com o temperamento de Paulo Nobre.

A dois meses da eleição, o presidente tenta mostrar ação após a derrota por 6 a 0 para o Goiás e repete seguidamente que quer “enxugar o elenco”. Um sinônimo menos doloroso para dispensas, e um problema que Dorival Júnior não queria lidar.

O treinador concorda que o plantel é mais numeroso do que deveria, mas ainda não se sente em condições de avaliar quem pode ser descartado, até mesmo com tantos desfalques e pouca gente saindo do departamento médico.

Mais do que isso, o discurso do dirigente em meio ao trabalho de Dorival para ter o grupo na mão é visto mais como prejudicial do que benéfico.

“Entendo a posição da diretoria, que tentem gerar um fato novo em razão de um resultado que nos deixou chateados, envergonhados.

É natural tomar algumas medidas que façam com que exista um alento, uma motivação. Mas não houve lista de dispensa”, disse Dorival, bastante irritado com o termo “dispensa”.

Mas Nobre, como se tentasse dar uma resposta aos seus eleitores, não abre mão de falar que atletas logo sairão. “A ideia é para melhor desenvolvimento do trabalho. Não pelo 6 a 0 do Goiás, mas pela situação na tabela. Chegamos à conclusão de que trabalhar com um elenco um pouco mais enxuto seria mais produtivo. Só isso”, falou o presidente nessa quinta-feira, no Pacaembu.

Josimar já foi liberado para a Ponte Preta e Weldinho e Felipe Menezes estão na lista que Dorival nega existir. Podem virar moeda de troca para a chegada de reforços da Série B nos próximos dias.

Mas o técnico, pensando no elenco, tem feito questão de relacionar ambos – mesmo sem usá-los. “Depois de um resultado como aquele, muitas coisas foram geradas, de fora para dentro também, e estamos ainda tentando encontrar um rumo para o trabalho”, afirmou.

O responsável por colocar a situação “de fora para dentro”, porém, garante blindar o elenco, ao mesmo tempo que diz não pensar na reeleição – embora trabalhe ativamente na busca por alianças políticas. “Na situação do Palmeiras hoje, não tenho o direito de tirar a minha atenção, não penso em eleição.

Sempre damos apoio ao elenco, cobrando quando precisa, protegendo e blindando de qualquer influência externa para ter condição de trabalhar. Tenho certeza absoluta de que esse grupo vai sair dessa situação”, declarou Nobre.



LEIA TAMBÉM: Mais um de saída? Clube da Arábia faz proposta por Raphael Veiga, do Palmeiras

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, quem é o substituto ideal de Dudu caso o atacante saia do Palmeiras?

LEIA TAMBÉM: Cadê a proposta? Veja os impasses que atrasam a formalização da proposta ao Palmeiras por Dudu


2955 visitas - Fonte: Gazeta Esportiva

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Major José Levy Sobrinho
Inter de Limeira
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14