26/9/2014 13:16

Palmeiras tem 3 duelos contra ameaçados antes de "pedreiras"

Palmeiras tenta escapar da zona de rebaixamento
Foto: Wagner Carmo/ Inovafoto / Gazeta Press


Apesar do bom resultado conquistado nesta quinta-feira pelo Palmeiras, o perigo de ser rebaixado pela terceira vez na sua história ainda é forte e real. Para evitar esse vexame no ano em que completa 100 anos, o clube precisa somar pontos o quanto antes para sair e se distanciar da zona da degola do Campeonato Brasileiro.

Para isso, o desempenho nos próximos três jogos da competição será fundamental para definir como será a situação alviverde até o final da Série A.

Em 17º, primeiro dentro zona de rebaixamento, com 25 pontos, o Palmeiras está a um ponto de Bahia e Botafogo, 16º e 15º, respectivamente, dois da Chapecoense (14º), três do Atlético-PR (13º) e quatro do Figueirense (12º). As três rodadas seguintes viram "decisivas" por serem, justamente, contra três desses cinco clubes que estão na parte de baixo da tabela.

Os confrontos diretos, também chamados de "seis pontos", são os seguintes para os palmeirenses: primeiro visitam o Figueirense, em Santa Catarina, depois recebem a Chapecoense, no Pacaembu, e por fim vão ao Maracanã para encarar o Botafogo.

Resultados positivos podem fazer a equipe palmeirense respirar um pouco mais aliviada, enquanto derrotas e tropeços podem assustor os torcedores.

Além de deixar os rivais diretos na luta contra o rebaixamento para trás, vitórias e pontos conquistados nessas rodadas são importantes também para dar um pouco mais de "gordura" e tranquilidade para a enfrentar a ingrata sequência de quatro jogos que virá a seguir.

Se primeiro o Palmeiras irá encarar equipes que brigam na parte de baixo da tabela, a realidade, dessa vez, será outra: a equipe receberá o Grêmio, quinto colocado e melhor defesa do torneio, e o Santos, clássico paulista.

Depois visita o líder isolado Cruzeiro, no Mineirão, e, por fim, encara o Corinthians, seu grande rival. O que pode aliviar os palmeirense é saber que, desses quatro jogos, três serão em casa, nos quais poderão contar com o apoio da torcida, que tem feito sua parte nas arquibancadas.

"Temos que ressaltar a postura dos torcedores, tivemos um problema isolado em Goiânia, mas a maioria está tendo uma postura elogiável, mesmo com o Palmeiras não respondendo à altura. Hoje (quinta) eles cantaram desde o primeiro momento e é isso que temos que valorizar. Não tivemos vaias e a equipe se viu sustentada pela torcida.

A participação deles têm sido muito importante e espero que continuem nos dando força e apoio. Nosso momento ainda não é de equilíbrio total, mas vamos lutar e trabalhar para dar um fim nisso", disse Dorival Júnior após o triunfo sobre o Vitória.



LEIA TAMBÉM: Palmeiras renova o contrato de joia da base

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Solução caseira ou contratar: como a diretoria deve substituir Dudu no Palmeiras?

LEIA TAMBÉM: Vai ou fica? Futuro de Scarpa será definido apenas no fim deste mês


3726 visitas - Fonte: Terra Noticias

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Major José Levy Sobrinho
Inter de Limeira
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14