20/4/2021 08:30

Diretor explica desistência de Borré e detalha projeto do Palmeiras

Anderson Barros rebate acusação de omissão e reprova pichações

A temporada de 2020 terminou para o Palmeiras em março com um saldo de três títulos importantes. Mas o ano esportivo de 2021 começou com descontentamento e críticas de alguns torcedores em relação ao desempenho do Verdão em campo e também no mercado.



Depois de nove jogos na temporada, incluídos os vices da Supercopa e da Recopa Sul-Americana, o time de Abel Ferreira foi alvo de protestos de alguns torcedores, mas também recebeu manifestação de apoio de outros palmeirenses nas redes sociais.


Em entrevista ao ge, Anderson Barros, diretor de futebol do Palmeiras, pediu compreensão à torcida e lembrou a conquista recente de títulos.


"Todo torcedor tem o direito de cobrar, mas ele precisa entender tudo aquilo que a gente vem fazendo. O torcedor cobra resultado, cobrou resultado e entregamos resultado. O Palmeiras foi campeão, teve seis títulos de extrema relevância nos últimos seis anos, sendo três na temporada passada. Então foi entregue. Foram revelados jogadores, foram feitas contratações que atenderam ao anseio em nossa necessidade. O torcedor tem (direito de cobrar), mas precisa entender e reconhecer o trabalho que está sendo feito. Existe responsabilidade e planejamento", disse Anderson Barros.


Após a derrota para o São Paulo, na última sexta-feira, os muros da sede social foram pichados por alguns torcedores. Além de pedir reforços e a saída de alguns jogadores, as mensagens foram direcionadas a Abel Ferreira e contra a diretoria.


"O torcedor não pode confundir a crença em um projeto, ter responsabilidade com a instituição que ele torce, com omissão. Estamos fazendo tudo que se pode, vencemos a Tríplice Coroa na temporada passada. Eu sei que o torcedor quer que a gente vença em 2021", afirmou Anderson Barros.


Desde o fim do ano passado, o treinador tem cobrado a contratação de reforços, principalmente para o setor ofensivo. Até o momento, o Verdão trouxe apenas Danilo Barbosa como peça de reposição para a saída de Emerson Santos.


Os palmeirenses negociaram com o colombiano Rafael Santos Borré, do River Plate, mas desistiram do negócio depois de uma nova avaliação do momento financeiro do clube em mais uma temporada de crise por causa da pandemia.


"Nós iniciamos o processo do Borré um pouquinho antes, talvez, da nossa viagem para o Mundial. Eu lembro que foi até um pouco antes do jogo na Argentina contra o River. Percebemos que três atletas tinham situações de fim de contrato, começamos a estudar esse processo, tivemos variáveis de qual estratégia deveríamos adotar. Optamos por uma, foi crescendo ao longo do próprio Mundial. Uma situação que a gente sempre manteve numa discrição muito grande, que era uma situação muito complexa, tinha clube espanhol, argentino, diversos representantes".


"Era um momento em que a crise pandêmica dava um sinal diferente, quando veio a segunda onda, até uma terceira onda. Hoje, temos um crescimento no número de mortes. Então tudo isso foi sendo pesado. Mas sempre fomos honrando por entender que seria um atleta que agregaria muito ao Palmeiras. Chegou um momento em que percebemos, seja pela demora do posicionamento, valores, que aquele era o momento que o Palmeiras tinha o direito de decidir de forma contrária. Tanto que não teve resposta do atleta ou representante, porque fizemos tudo de maneira honesta. Sabíamos que estávamos indo além, sabíamos que poderia, mas tinha passado o tempo", explicou.



Um atleta que segue no radar da diretoria do Palmeiras é o atacante Ademir. Além de Valentin Castellanos, a diretoria alviverde quer um reforço para o setor ofensivo com característica de velocidade, que possa atuar pelos lados do campo.


Depois de melhorar a oferta ao América-MG, os palmeirenses aguardam. A partir de julho, Ademir fica livre para assinar um contrato com outra equipe caso não renove com o clube mineiro.


"O Ademir foi um atleta com característica específica, um extremo, canhoto, que poderia dar variações táticas ao Abel. Era um jogador que atenderia a uma situação muito especifica. Fizemos uma proposta, bem razoável dentro do que entendemos, e o América, dentro do seu direito, entendeu que não deveria liberara. Discutimos outras variáveis, mas não evoluímos. Vamos fazer o que for responsável, como fizemos na temporada passada", disse Anderson Barros.


Depois de vencer o Paulistão, a Libertadores e a Copa do Brasil na temporada de 2020, o Palmeiras prevê um 2021 ainda de desafios, principalmente na parte administrativa. Mas Barros garante que confia na competitividade da equipe nas principais disputas.



"Temos consciência de que podemos disputar 2021 da mesma forma da temporada passada, mas sempre com total responsabilidade. Há um grupo de profissionais no Palmeiras, todos nós discutimos cada uma das decisões, inclusive com a comissão técnica. Em muitas vezes, não conseguimos ter unanimidade ou uma decisão única, mas a responsabilidade com o clube sempre vai prevalecer".

#palmeiras #verdao #alviverde #andersonbarros #ademir #castellanos #projeto #temporada2021



LEIA TAMBÉM: Retorno do Dudu tem contagem regressiva dos torcedores e clima de festa no clube

LEIA TAMBÉM: Al Duhail não exerce direito de compra, e Palmeiras anuncia retorno de Dudu

Após confirmar retorno, Palmeiras tenta antecipar liberação para contar com Dudu já nos próximos dias




3879 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Diretor muito fraco ????????

Diogenes Pereira     

Veron, está podre só vevi machucado lixo

Diogenes Pereira     

Os atacantes do Palmeiras se juntar todos não dá um . Não tem um jogador que vista a camisa e resolva dentro de campo

Anderson Augusto     

Esse diretor e um fraco queremos jogador

Presidente incompetente por contratar diretor de time rebaixado,dá nisso,ganhandon100 mil por.mes para coçar o saco.Fora banana de Presidente.Fora Barros.

Barros lixo.Barros incompetente.FORA BARROS.QUEREMOS CONTRATAÇOES.

Vítor De Folco     

Hermam Cano é realidade já adaptado ao futebol brasileiro , independe da contratação de Ademir, faltam goleadores ao Palmeiras o que sobra no Flamengo. Falta de visão dessa diretoria bitolada , traz urgente Alexandre Mattos. Tidos os titulos conquistados nos ultimos 5 anos devemos ao Alexandre Mattos , tem transito com empresarios , tem habilidade e criativa nas negociações ,sargento barros Garcia limitado e sem criatividade . Quando fala reforça nossa teoria , pede demissão para o bem do Palmeiras , ja que Bananotti é incapaz de decisão sensata ,deixa o barco correr quando perde o controle total entrega alguém pra ser responsabilizado, tenta se apoiar na patrocinadora , traiu Paulo Nobre e Alexandre Mattos pra se isentar de seus fracassos. Renúncia moloide !!!!

Jose carlos ja tomou nos olhos das nádegas hoje? Está irritadinho

Celso Inoue     

Engraçado é que ofereceram cinco caminhão de dinheiro para ter Borré ! Se ofereceram tudo isso , então não ia ser por falta de dinheiro que deixou de trazer Ademir . Isso se chama incompetência . Falar em planejamento , sem ter uma estrutura sólida é complicado . Para isso é preciso fazer contratações de qualidade . Sem isso não adianta ficar jogando responsabilidade para o Abel ou ficar usando o treinador como escudo para vcs da diretoria se defenderem . Só pelo fato de o Abel precisar abrir a boca para vcs da diretoria vir falar , nota-se que são vagabundos e repetindo "incompetentes " .

Jadson Dantas     

Não contrata ninguém nosso diretor só fala de planejamento,mas tava mau acostumado com o elenco que montava quando trabalhou no rio a gente é palmeiras briga pra ser campeão não é pra montar time pra não cair pra série B

Robson Tadeu     

Diretor fraco

Carlos Sato     

BORJA JÁ...

Boa Alfonso ,que alem de corneteiros e burros devem ser todos corintianos, ta afim dr agitar pega uma lata de refrigerante e sacode bem depois abri para beber,seus imbecis

Ja que nao serve pra nada esse diretor demite ele economiza 200 mil mais as viagens que só foi psssear.

RUBENZz KBRAWN     

CarA tem rony veron wesley wiliam tem breno lopes que diacho de jogador de velocidade é esse tem que trszer ê um cara pra fazer gol tira o cano la da serie B esse da de dez em borre castelos e muitos outros por ai

Clayton Oliveira     

Esse lixo do Barros .Cicero São tds incompetentes so vão afundar o palmeiras não sabem fazer nada que presta quando começar a despencar sera tarde demais ai vão jogar a culpa na base e no Abel precisa contratar URGENTE time grande tem que se estrutarar o mais rápido possível ja começar a limpeza dos lixos Maik. Marcos rocha .Ze Rafael . Esteves . Lucas lixo . Luan avenida . Breno lopes . E começar a observar de perto o que presta de vdd e antender o Abel o Palmeiras não merece isso avante Palmeiras

BOM DIA CORNETEIROS BURROS

Angelo Souza     

Diretoria incompetente, falou que o palmeiras ganhou 3 títulos na uma temporada era para ter ganho mais 2. Diretoria burra

Incompetente. Ademir, nem esse conseguiu contratar. Todos os times estão buscando jogadores de nivel alto e ja estão até treinando. Times que não ganharam valores iguais ao que o Palmeiras ganhou. Barros é muito ruim. Uma tartaruga. Pior contratação da Diretoria. Precisamos de reforços ja e não para o final do ano. Depois vão jogar a culpa no tecnico e na base. A base não pode ganhar tudo. Pede a conta. #FORABARROS

Contrata o RADAR KKKKK

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Libertadores

Ter - 19:15 - Allianz Parque - ConmebolTV
Palmeiras
Defensa y Justicia

Último jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Neo Química Arena
Corinthians
0 2
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Bragantino
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Ituano
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
23 12 6 5 1 15 7 8 VVEEE
21 12 6 3 3 18 10 8 DDVVV
19 12 5 4 3 17 12 5 VEDED
13 12 4 1 7 10 14 -4 DVVDD
Untitled Document
Classificação
1 Palmeiras
2 Defensa Y Justicia
3 Independiente Del Valle
4 Universitario
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
9 3 3 0 0 10 3 7 VVV
4 3 1 1 1 5 3 2 EVD
1 2 0 1 1 1 6 -5 ED
0 2 0 0 2 2 6 -4 DD