22/1/2022 10:28

Em 1995, duelo entre Palmeiras x SP terminou em morte no Pacaembu

Acostumado a ter em seu gramado grandes jogadores, dribles desconcertantes e gols inesquecíveis, o estádio do Pacaembu teve uma manhã diferente no dia 20 de agosto de 1995. Palmeiras e São Paulo - que se enfrentam neste sábado (22), pela semifinal da Copa São Paulo de Futebol Júnior - decidiram em 1995 a Supercopa de Futebol Júnior, torneio que reunia os campeões e vices da Copinha. A comemoração do título do Palmeiras resultou em um dos confrontos mais violentos entre torcidas no país, com um morto e 102 feridos.



Se nos dias atuais o Pacaembu está fechado para reforma, naquele domingo palmeirenses e tricolores lotaram as arquibancadas do estádio municipal. As equipes profissionais dos dois clubes estavam dominando o futebol brasileiro no início dos anos 90. E a decisão da Supercopa era um reflexo do bom momento de ambos.


Pela regra da prorrogação na morte súbita adotada naquela competição, o time que marcasse o gol seria campeão. Pouco mais de 21 anos após aquela final, o gol de Rogério, que decretou o título do Verdão, é um fato menor daquela decisão. O tento, aos 5 min da prorrogação, fez os torcedores alviverdes explodirem em comemoração. A alegria pelo título inédito incentivou os palestrinos a invadirem o gramado do Pacaembu. Alguns torcedores começaram a provocar os são-paulinos que ainda não haviam deixado o estádio. Foi o estopim para que o campo de jogo virasse um campo de guerra.


Os tricolores derrubaram o alambrado do setor em que estavam, invadiram o tobogã, então em obras e, armados de paus, pedras e tudo mais que pudesse servir de arma, revidaram. A partir daí o gramado do Pacaembu virou cenário de guerra medieval.



Os palmeirenses recuaram. Em maior número, contra-atacaram. O efetivo policial era reduzido por ser um jogo de juniores. Assim, o entulho encontrado no estádio virou arsenal na mão dos torcedores. Quem caía, era espancado impiedosamente. Uma das cenas mais impactantes é quando um torcedor recebe pauladas na cabeça e sai cambaleando até desabar no alambrado.


Agredido inúmeras vezes, o são-paulino Márcio Gasparin da Silva, 16, sofreu múltiplos traumatismos cranianos. Morreu oito dias depois da briga no Pacaembu.


O palmeirense Adalberto Benedito dos Santos foi responsabilizado pelo assassinato de Márcio. Em 1998, três anos após o confronto, Adalberto foi julgado e condenado a 12 anos de prisão pela morte de Márcio. Cumpriu aproximadamente quatro em reclusão, e conseguiu progressão para o regime semi-aberto.


A família de Márcio entrou na Justiça contra a Prefeitura de São Paulo, mas o judiciário não concedeu a indenização pretendida e também não considerou o município culpado pela morte do adolescente.



O caso também foi um marco para a regulamentação das torcidas no Estado. O Ministério Público de São Paulo decretou a extinção da Mancha Verde e da Independente, que ressurgiram após mudanças jurídicas e de nome. Na prática, culminou com a decisão de restringir apenas aos torcedores da equipe mandante a presença em clássicos em São Paulo. "Naquela época, o Ministério Público ainda não havia iniciado o controle das organizadas, mas o preço da tranquilidade é a eterna vigilância. O jogo requer atenção", falou ao UOL Fernando Capez, então promotor público que pediu a extinção das organizadas de São Paulo e Palmeiras.

#palmeiras #verdao #alviverde #saopaulo #pacaembu



VEJA TAMBÉM
- Neto diz que Abel é o terceiro melhor treinador do mundo
- Palmeiras se torna o time brasileiro com mais vitórias dentro de casa na história da Libertadores
- Capitão do Deca entra na mira do São Paulo

LEIA TAMBÉM: Barcelona observará joia Endrick em torneio na França


E MAIS: No Brasileirão, Palmeiras vai buscar título inédito na era Abel Ferreira

E MAIS: Comissão técnica do Palmeiras pediu a manutenção de jovens da base













1077 visitas - Fonte: Uol Esportes

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Altino Lima     

Vamos torcer para que seja um jogo tranquilo. Só vai estar presente a torcida sãopaulina. Que transcorra tudo na santa paz!!

Selvageria, indiferente da camisa esses bandidos deveriam ser preso

Dalton Silva     

O jogo de hoje inspira cuidados...

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Sáb - 19:00 - Alfredo Jaconi - Premiere
Juventude
Palmeiras

Último jogo - Brasileiro

Sáb - 16:30 - Allianz Parque
Palmeiras
2 0
Bragantino
Untitled Document
Classificação
1 Atletico-MG
2 Flamengo
3 Palmeiras
4 Fortaleza EC
5 Corinthians
6 RB Bragantino
7 Fluminense
8 America Mineiro
9 Atletico Goianiense
10 Santos
11 Ceará
12 Internacional
13 São Paulo
14 Atletico Paranaense
15 Cuiaba
16 Juventude
17 Grêmio
18 Bahia
19 Sport Recife
20 Chapecoense-sc
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
84 38 26 6 6 67 34 33 EVVVD
71 38 21 8 9 69 36 33 EVEDD
66 38 20 6 12 58 43 15 DEVEV
58 38 17 7 14 44 45 -1 VDVDV
57 38 15 12 11 40 36 4 VDVED
56 38 14 14 10 55 46 9 DEDDV
54 38 15 9 14 38 38 0 VVDDV
53 38 13 14 11 41 37 4 DEVEV
53 38 13 14 11 33 36 -3 EVVVV
50 38 12 14 12 35 40 -5 DVEVE
50 38 11 17 10 39 38 1 EVDED
48 38 12 12 14 44 42 2 DDEDD
48 38 11 15 12 31 39 -8 EVDVD
47 38 13 8 17 41 45 -4 EDVEE
47 38 10 17 11 34 37 -3 EDDVE
46 38 11 13 14 36 44 -8 EVDDV
43 38 12 7 19 44 51 -7 EDVEV
43 38 11 10 17 42 51 -9 VDDVD
38 38 9 11 18 24 37 -13 VDEVE
15 38 1 12 25 27 67 -40 DDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Palmeiras
2 Ituano
3 Botafogo SP B
4 Mirassol
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
30 12 9 3 0 17 3 14 VVVVE
19 12 5 4 3 19 12 7 DVEVE
18 12 5 3 4 10 12 -2 EVDVD
17 12 4 5 3 17 17 0 VEEDD
Untitled Document
Classificação
1 Palmeiras
2 Defensa Y Justicia
3 Independiente Del Valle
4 Universitario
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
9 3 3 0 0 10 3 7 VVV
4 3 1 1 1 5 3 2 EVD
1 2 0 1 1 1 6 -5 ED
0 2 0 0 2 2 6 -4 DD