31/5/2020 07:39

Veja quais eram os rituais de Valdívia antes dos clássicos

Treinador do Palmeiras entre a reta final de 2012 e o primeiro semestre de 2014, Gilson Kleina concedeu entrevista exclusiva ao FOXSports.com.br. Dentre inúmeros assuntos, o antigo comandante alviverde falou sobre um nome em especial e referência técnica daquele Palmeiras da época das 'vacas magras' do clube na primeira metade desta década: Jorge Valdivia.



Mesmo com uma sequência grande de lesões com a camisa do Palmeiras, Valdivia ainda assim foi a referência do clube, principalmente quando o assunto era clássico. Gilson Kleina revelou que o meia se preparava de uma forma diferente antes de encarar os rivais Corinthians, São Paulo e Santos, mas que era natural do chileno a atitude em campo contra os demais gigantes do estado.

"Todo grande jogador gosta de clássico. Quando tínhamos clássico pela frente, o grupo inteiro se preparava, mas o Valdivia era moldado para jogos assim. Ele tinha uma áurea diferente. No vestiário mesmo, ele pega a bola, gosta de ficar petecando. Alguns leem, outros mandam mensagem para alguém, outros que querem conversar. O Valdivia não. Ele sempre tranquilo, sorrindo. Ele é moldado para grandes jogos. Ele se transforma em campo. O Valdivia faz a leitura, sabe que vai ser marcado individualmente. Nós passávamos tudo para ele. Nós treinávamos isso antes. Com a bola no chão, ele tinha muito recurso. Era dele essa preparação para o clássico. Ele cresce em momentos assim", disse o treinador.

Curiosamente, a última partida de Valdivia com a camisa do Palmeiras antes do último adeus foi justamente um clássico contra o Corinthians. Em 2015, em plena Arena Corinthians, com grande atuação de Valdivia, o Verdão venceu por 2 a 0, em duelo válido pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Os gols palmeirenses foram anotados por Rafael Marques e Zé Roberto.

Valdivia vestiu a camisa do Palmeiras em duas ocasiões. Entre o final de 2006 e a metade de 2008, ano da conquista do título paulista em cima da Ponte Preta. Em seguida da metade de 2010 até a metade de 2015. Porém, os últimos cinco anos foram marcados entre altos e baixos, com inúmeras lesões. Porém, o meia foi peça-chave nas conquistas da Copa do Brasil de 2012, no acesso do clube à Série A em 2013 e na permanência dramática na primeira divisão em 2014, algo obtido somente na última rodada daquele Campeonato Brasileiro.



Veja abaixo os números de Jorge Valdivia com a camisa do Palmeiras em clássicos contra os maiores rivais:

Valdivia contra o São Paulo: 4 vitórias, 4 empates e 7 derrotas

Valdivia contra o Corinthians: 5 vitórias, 5 empates e 5 derrotas

Valdivia contra o Santos: 2 vitórias, 3 empates e 4 derrotas

Crédito da foto: Arte/FOX Sports

Palmeiras, Verdão, Valdívia



LEIA TAMBÉM: Palmeiras renova o contrato de joia da base

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, quem é o substituto ideal de Dudu caso o atacante saia do Palmeiras?

LEIA TAMBÉM: Palmeiras vai emprestar jogador ao Botafogo e pagar metade do salário


762 visitas - Fonte: FOX Sports

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Major José Levy Sobrinho
Inter de Limeira
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14