23/6/2020 11:46

Ex-Palmeiras, Matheus Fernandes fala sobre ida ao Barcelona e revela contato com Ronaldo Fenômeno: "Surreal"

Contratado pelo Barcelona no começo do ano, Matheus Fernandes foi emprestado ao Valladolid até o fim de julho. Logo que chegou à Espanha, o jovem precisou esperar mais de 120 dias antes de estrear pelo clube presidido por Ronaldo Fenômeno.



Por causa da paralisação do futebol causado pela pandemia de coronvírus, o volante de 21 anos só conseguiu jogar no último final de semana, na derrota por 1 a 0 para o Atlético de Madrid fora de casa.

Revelado pelo Botafogo, Matheus chegou no ano passado ao Palmeiras, pelo qual fez 12 partidas - marcou um gol - antes de ser vendido para o Barça por sete milhões de euros (cerca de 32 milhões de reais).

Na próxima rodada de LaLiga, o Valladolid enfrentará o Getafe, nesta terça-feira, 23/06, às 14h30 (de Brasília).

Veja a entrevista com Matheus Fernandes:

- Como surgiu o Barcelona? Você me disse em outra entrevista que eles te monitoravm há tempos...
Sim, eles procuraram meu pai quando tinha 17 anos em um torneio no Chile com a seleção. Eles sempre monitoraram meus números e assistiram jogos no Botafogo e depois no Palmeiras.

- Chegou a conhecer o Barcelona?
Não tive a oportunidade de conhecer o clube e o elenco. Como fui contratado no último dia da janela eu saí de São Paulo direto para Madri. E de Madri para Valladolid. Foi tudo muito corrido! Exames médicos, apresentação e treinamentos. Logo depois, teve a parada do campeonato, tanto que não tinha estreado e já estava na Espanha desde o inicio de fevereiro.

- Como surgiu o Valladolid?
O Valladolid foi um acordo entre os clubes. O Barcelona não tinha vagas para estrangeiros naquele momento e me emprestou ao Valladolid até o fim da temporada. Existia a possibilidade de ser emprestado para Portugal e França, mas o Barcelona queria me avaliar de perto.

- Como foi o primeiro encontro com Ronaldo?
Meu primeiro contato com o Ronaldo foi no dia da apresentação. Não imaginava encontrá-lo na minha chegada. Para mim foi surreal! Ronaldo é uma referência dentro de campo e um ídolo mundial. Conversamos sobre tudo, sempre que encontro com ele tento tirar o máximo de conselhos. Afinal, ele é o Fenômeno!

- Como foi chegar e logo passar por quarenta?
Foi bem difícil, porque tudo era muito novo para minha família e para mim. E, logo, quando os casos de mortes na Espanha estavam em número muito alto fui constatado como um dos jogadores com o COVID. Quando o Valladolid divulgou muita gente me enviou mensagem e ligou. Até porque na casa que moro na Espanha estão minha irmã e meus pais. Existia uma preocupação que todos poderiam estar contaminados. Fiquei em casa respeitando o protocolo do clube, depois refiz o exame e deu negativo. Tive a sorte de estar assintomático (meus pais também) e não ter qualquer sintoma da doença.

- Fale como tem sido a adaptação à Espanha...
O idioma tem sido tranquilo, porque consigo entender meus companheiros. Não tive tempo de fazer aulas de espanhol, mas quero começar assim que essa onda do coronavírus passar. De qualquer forma, todo mundo dentro do clube é bastante paciente comigo. Em relação aos hábitos, a pandemia mudou muito. Por questões óbvias não se pode sair na rua como antes e fazer passeios. Os próprios estádios estão sem torcida. Minha vida tem sido treino e casa com meus pais.

- Fale sobre a estreia sem público...
Foi estranho (risos). A gente sonha em jogar na Europa com estádio lotado e vou levar para sempre que minha estreia foi em um estádio vazio e com barulho de torcida artificial (risos). A experiência de jogar no Wanda Metropolitano foi fantástica. Um lugar com tanta história, mas que estaria mais bonito com público presente.

- Como ficará sua situação? Voltará ao Barcelona?
Quem vai decidir é o Barcelona. O acordo é para me apresentar ao clube para próxima temporada ao término desta. Mas, é preciso ter vaga de estrangeiro. A vontade, claro, é de jogar pelo Barcelona e ser aproveitado, mas é preciso ter paciência e respeitar o Valladolid, que me acolheu super bem. A minha cabeça está 100% no Valladolid até porque o futebol é muito constante. Não dá para fazer planos. No momento meu foco é jogar o maior número possível de partidas e minutos para ganhar experiência. Converso com meus pais que preciso ter a mesma paciência de quando o Barcelona me procurou a primeira vez. Estou treinando firme e deixando as coisas acontecerem naturalmente.



Palmeiras, Matheus Fernandes, Verdão, Mercado da bola



LEIA TAMBÉM: Mais um de saída? Clube da Arábia faz proposta por Raphael Veiga, do Palmeiras

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Para você, quem é o substituto ideal de Dudu caso o atacante saia do Palmeiras?

LEIA TAMBÉM: Cadê a proposta? Veja os impasses que atrasam a formalização da proposta ao Palmeiras por Dudu


1059 visitas - Fonte: ESPN

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Major José Levy Sobrinho
Inter de Limeira
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14