20/11/2019 19:51

Sub-17: campeões mundiais são despontados como agressores e súmula relata expulsões

A briga ocorrida após a final do Campeonato Paulista Sub-17, na tarde de hoje (20), fez com que três jogadores do Palmeiras fossem expulsos. Segundo a súmula da partida contra o São Paulo, Renan, Garcia e Vanderlan agrediram atletas do rival tricolor. Renan e Garcia foram campeões mundiais pela seleção brasileira da categoria no último domingo.



LEIA TAMBÉM: Conselheiros reclamam de falta de balancetes e exigem mais transparência em contas para Galiotte

Renan é lateral-esquerdo e já havia sido expulso no tempo normal do jogo pelo segundo cartão amarelo. Ele estava no banco de reservas e discutiu com adversários após comemoração do gol que levou a disputa para os pênaltis — o Palmeiras venceu por 4 a 2, mas havia perdido na ida por 2 a 0; nas penalidades, o São Paulo ganhou por 7 a 6.

Com o título já definido, Renan saiu do vestiário e voltou para brigar no campo. Ele foi identificado como um dos agressores pela equipe de arbitragem, que não conseguiu descobrir quem foi acertado pelo lateral. O mesmo aconteceu com o meia-atacante Vanderlan, expulso, mas sem que os alvos dos golpes tenham sido mencionados.

Já Garcia aparece como um dos responsáveis por agredir um são-paulino que caiu no chão e recebeu pancadas mesmo caído de um grupo de palmeirenses. A súmula diz que a vítima foi o lateral-esquerdo Patryck Lanza, outro campeão do mundo, mas o São Paulo informa que esse incidente aconteceu com o zagueiro Belém, que ainda foi atingido por um adulto não identificado.

O Palmeiras diz que esse adulto não era um segurança do clube — esses estavam em campo uniformizados e até ajudam a interromper os ataques a Belém — e que ainda não sabe quem foi o agressor que estava de calça jeans e camiseta branca, na beira do gramado. A provocação de tricolores durante a comemoração pelo título foi citada.



O São Paulo estuda quais providências tomar e por enquanto só e divulgou uma nota oficial. O clube está indignado com as agressões, principalmente a Belém e a Tássio, que levou um soco no rosto e pode ter fraturado o nariz. O volante precisou levar dois pontos no local. A equipe de arbitragem ainda reclama que não foi paga pelo trabalho na final.

Palmeiras, Paulista Sub-17, Final, Agressão, Súmula





LEIA TAMBÉM: Luxa destaca a necessidade de ser decisivo nos últimos 90 minutos da final

LEIA TAMBÉM: Globo processa Turner para evitar que rival transmita jogos do Brasileirão se valendo da nova MP

LEIA TAMBÉM: [ENQUETE] Palmeiras por ser mandante ou Corinthians por retrospecto: quem é favorito no Allianz?


22683 visitas - Fonte: UOL Esporte

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

José Candido     

Os bambi provocaram o

Isso mostra como a base de todos times são mal orientada.

Wilson Pavão     

Independente d provocações. Nada justifica agressões físicas.

Drausio Filho     

Quem procura acha.

Lamentável

Adilson Romualdo     

Boa noite foi o jogadores do sao Paulo que procuraram toda confusão , nos dois gols do sao Paulo os jogadores passaram em frente os reservas do palmeiras provocando os reservas do Palmeiras

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Sáb - 16:30 - Allianz Parque - TVGlobo
Palmeiras
Corinthians

Último jogo - Paulista

Qua - 21:30 - Arena Corinthians
Corinthians
0 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Santo André
2 Palmeiras
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
19 10 6 1 3 12 9 3
19 10 5 4 1 15 4 11
16 10 3 7 0 9 4 5
8 10 2 2 6 7 21 -14