29/11/2020 09:58

[ANÁLISE] Concentrado e efetivo, Palmeiras se inscreve em briga pelo título do Brasileirão

Time de Abel Ferreira supera desfalques na vitória fácil sobre o Athletico

O Palmeiras está de vez na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. A vitória fácil por 3 a 0 sobre o Athletico-PR deixou o time com 37 pontos, cinco a menos do que o líder Atlético-MG, que tem um jogo a mais (23 a 22). Tão importante quanto o resultado obtido no Allianz Parque foi a maneira como o time o conquistou.



LEIA TAMBÉM: Rony se destaca como centroavante e ganha moral com Abel no Palmeiras


O técnico Abel Ferreira pôde contar com a volta de alguns jogadores (Luan Matías Viña, Gabriel Veron), mas ainda tinha uma série de desfalques importantes, por lesão ou Covid-19 (Willian, Luiz Adriano, Raphael Veiga). As ausências foram bem substituídas, e o Palmeiras não correu um minuto sequer de risco ante o Furacão.

É verdade que o Athletico-PR chegou desfigurado ao Allianz Parque, castigado por um surto de Covid-19 que impediu 11 jogadores de atuar. O técnico Paulo Autuori escalou o time possível. Mas o próprio Palmeiras tem um exemplo recente: em 23 de setembro, o time recebeu um Flamengo também dizimado pelo coronavírus, mas não passou de um empate por 1 a 1, com uma atuação apática.

É uma covardia comparar as duas exibições do Palmeiras, aquela sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, a deste sábado já com Abel Ferreira. Sob qualquer ponto de visita – técnico, tático, anímico – é notável a evolução do Palmeiras. Por mais que o técnico português atribua os resultados apenas aos jogadores, seu trabalho (assim como o de seu antecessor, o interino Andrey Lopes) deu resultado.

O que deu certo

Quando Matías Viña foi convocado pela seleção uruguaia no começo de novembro – e, depois, quando foi diagnosticado com Covid-19 – a solução encontrada por Abel Ferreira foi improvisar Gustavo Scarpa como lateral-esquerdo. Não foi um movimento inédito na carreira do meia, mas foi o que mais deu certo. Scarpa se sentiu à vontade na posição, fez gols, funcionou.

Contra o Athlético-PR, Abel Ferreira teve os dois à disposição e os escalou juntos. Viña como lateral, na linha de quatro da defesa, e Scarpa como um ponta aberto pela esquerda no 4-2-3-1. Em sete minutos, a parceria funcionou: Viña tomou a bola do rival no campo de ataque do Palmeiras, deu a Scarpa, que avançou e encontrou Lucas Lima no centro do ataque. Dele saiu o passe para o gol de Patrick de Paula.

A presença de Rony como centroavante foi outro acerto. Sem Willian (com Covid-19) e Luiz Adriano (ainda lesionado), o técnico voltou a escalar o ponta pelo centro do ataque. Com sua mobilidade, Rony abriu espaço para a infiltração de Patrick. Com um senso de colocação na área – qualidade que pouca gente via no atacante – ele marcou os dois dois gols.

O que deu errado

Quase nada, na verdade. A fragilidade do Athletico permitiu ao Palmeiras jogar mais à vontade e praticamente descansar para a maratona que é disputar três competições ao mesmo tempo (tem ainda Libertadores e Copa do Brasil). O que talvez tenha faltado ao Palmeiras foi aproveitar mais as oportunidades claras que foram criadas.

O Athletico escapou de terminar o primeiro tempo perdendo por goleada – foi para o intervalo perdendo por 2 a 0. O terceiro gol de Palmeiras saiu logo nos primeiros minutos do segundo tempo, o que terminou por encerrar qualquer esboço de reação por parte do clube paranaense. Talvez o jogo fácil tenha contribuído para uma natural desmobilização do Palmeiras nos minutos finais, quando ficou claro que uma vitória por mais gols estava à mão.

Próximos passos

Na próxima quarta-feira, o Palmeiras enfrenta o Delfín pelas oitavas de final da Copa Libertadores. O Verdão venceu o jogo de ida por 3 a 1, no Equador, e não deve ter dificuldades para garantir a vaga nas quartas de final. O zagueiro Renan e o lateral direito Marcos Rocha testaram positivo para a Covid-19 e desfalcam o time. Luiz Adriano também está fora, para tratar de uma lesão na coxa esquerda.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras visita o Santos na Vila Belmiro. Os dois times têm o mesmo número de pontos (37) embora o Santos tenha um jogo a mais (23 a 22). Abel Ferreira não terá o lateral-direito Gabriel Menino e o volante Danilo, que levaram o terceiro cartão amarelo e cumprem suspensão.



O Palmeiras também está vivo na Copa do Brasil. Mas os jogos contra o América-MG, pela semifinais, ainda estão longe: nos dias 23 e 30 de dezembro.


Palmeiras, Análise, Briga, Título, Brasileirão, Verdão



LEIA TAMBÉM: Gabriel Veron tem o perfil do Barcelona, diz jornal catalão

LEIA TAMBÉM: À frente de gigantes, Palmeiras é eleito segundo melhor time do mundo em 2020 por órgão; confira

LEIA TAMBÉM: Melhor jogador da Libertadores ganhará anel de pedras preciosas, quem será que vai ganhar a joia?




1113 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Vai vomeçar as finais.Santos é o primeiro candidato direto.vamos matar o primeiro.

Geraldo Hermes     

Uma mantra, "vem taça por ai"

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Castelão - Globo,TNT
Ceará
Palmeiras

Último jogo - Brasileiro

Qui - 19:00 - Mané Garrincha
Flamengo
2 0
Palmeiras
Untitled Document
Classificação
1 São Paulo
2 Internacional
3 Atletico-MG
4 Flamengo
5 Palmeiras
6 Grêmio
7 Fluminense
8 Santos
9 Corinthians
10 Atletico Paranaense
11 Ceará
12 Bragantino
13 Atletico Goianiense
14 Sport Recife
15 Vasco DA Gama
16 Fortaleza EC
17 Bahia
18 Goiás
19 Coritiba
20 Botafogo
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
57 30 16 9 5 50 28 22 VVDDE
56 30 16 8 6 48 28 20 VVVVV
53 29 16 5 8 51 37 14 VDVEV
52 29 15 7 7 50 39 11 VEDDV
51 29 14 9 6 43 26 17 DVVEV
50 29 12 14 3 38 24 14 EVVEE
46 30 13 7 10 40 37 3 DDVDV
45 29 12 9 8 41 36 5 DDEVV
42 29 11 9 9 35 34 1 VVVVD
39 30 11 6 13 27 29 -2 VVVEE
39 30 10 9 11 41 41 0 VEDVD
38 30 9 11 10 39 36 3 DDVEV
36 30 8 12 10 27 36 -9 VDEED
32 30 9 5 16 24 38 -14 EDVDD
32 29 8 8 13 29 40 -11 VDEVD
32 30 7 11 12 26 30 -4 DEDED
29 29 8 5 16 35 51 -16 DDDDE
26 30 6 8 16 29 47 -18 DVVDD
25 30 6 7 17 23 39 -16 DDDEV
23 30 4 11 15 26 46 -20 VDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Palmeiras
2 Santo André
3 Novorizontino
4 Botafogo SP
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
22 12 6 4 2 17 6 11 EEEDV
20 12 6 2 4 14 13 1 EDDED
19 12 4 7 1 12 8 4 VEEDV
11 12 3 2 7 9 23 -14 DVDVD
Untitled Document
Classificação
1 Palmeiras
2 Guarani Campinas
3 Bolívar
4 Tigre
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
13 5 4 1 0 12 2 10 VVVEV
10 5 3 1 1 10 5 5 VDVEV
4 5 1 1 3 4 10 -6 DVDED
1 5 0 1 4 3 12 -9 DDDED