24/5/2022 23:36

Não assistiu ao jogo? Leia aqui o resumo e ficha técnica da partida entre Palmeiras e Deportivo Táchira

O Palmeiras encerrou a sua participação na fase de grupos da Conmebol Libertadores passando mais uma vez o trator. Nesta terça-feira (24), no Allianz Parque, o Alviverde recebeu o Deportivo Táchira-VEN e goleou por 4 a 1, fechando a primeira fase com 100% de aproveitamento no grupo A. O nome do jogo foi o meia Gustavo Scarpa, que anotou um hat-trick.



Para a partida, o técnico Abel Ferreira teve o meia Raphael Veiga, que testou positivo para COVID-19 no fim de semana, como grande desfalque. Porém, apesar da ausência do camisa 23, o Verdão teve uma noite para lá de tranquila jogando diante de sua torcida.

O Táchira impôs poucas dificuldades ao Palmeiras, que abriu o placar logo aos 15 minutos.

Após jogada trabalhada, Gustavo Scarpa recebeu pela direita, driblou a marcação e cruzou na área para Rony. Porém, graças a um 'frango histórico' do goleiro Varela, o cruzamento do meia passou por baixo de suas pernas, e o Palmeiras fez 1 a 0.

O camisa 14 do Palmeiras anotou 3 diante do Deportivo Táchira
O Verdão ampliou logo em seguida, após Rafael Navarro ser derrubado dentro da área por jogador do Táchira, e o árbitro marcar pênalti. Na cobrança, Scarpa assumiu a responsabilidade de fez o 2 a 0.

Na volta do 2° tempo, o Táchira surpreendeu e balançou as redes com Guitiérrez após cobrança de escanteio, diminuindo para os venezuelanos.

Porém, o Palmeiras voltou a balançar as redes minutos depois, aos 12. Dudu cruzou forte pela direita em direção à área, e Rony aproveitou, mandando a bola para o fundo das redes. 3 a 1 para os donos da casa.

Ainda teve tempo para mais um gol do Alviverde, que fechou a conta com Scarpa, que chegou ao hat-trick no jogo. Aos 21 minutos, Breno Lopes foi derrubado dentro da área, e os donos da casa tiveram mais uma penalidade assinalada a seu favor.

Na cobrança, o camisa 14 voltou a cobrar com categoria e fez o 4 a 1, fechando a conta no Allianz Parque.

Com a vitória, o Palmeiras confirmou a melhor campanha da fase de grupos da Libertadores 2022, com 18 pontos, 6 vitórias e +22 gols de saldo, na liderança isolada do grupo A.

O Táchira, por sua vez, acabou eliminado da competição continental, terminando em 3° no grupo, com 7 pontos, 2 vitórias, 1 empate, 3 derrotas e -6 gols de saldo. Com isso, os venezuelanos garantiram vaga na Copa Sul-Americana.

Quem avançou na vice-liderança foi o Emelec-EQU, que goleou o Independiente Petrolero-BOL e terminou a fase de grupos com 8 pontos. Os bolivianos, por sua vez, foram os lanternas do grupo A, com apenas 1 ponto somado.

O cara: Gustavo Scarpa
O meia, que até então ainda não havia balançado as redes pela Libertadores 2022, fez 3 de uma vez só.

Com o hat-trick, Scarpa foi o nome do jogo no Allianz Parque.

Agora, apenas Rafael Navarro (7) e Raphael Veiga (6) têm mais gols do que ele pelo Palmeiras na atual edição da Libertadores.

Foi mal: Varela
O goleiro do Táchira, definitivamente, não teve uma boa noite em São Paulo.

O arqueiro foi a grande 'vítima' da noite e levou quatro gols, dois em cada tempo.

No primeiro, inclusive, protagonizou uma falha bizarra após cruzamento na área de Scarpa e deixou a bola passar por baixo de suas pernas.

Melhor campanha e ataque da história na fase de grupos
Com a vitória, o Palmeiras fechou a fase de grupos com a melhor campanha da história. Foram 6 vitórias (100% de aproveitamento), com 25 gols marcados e apenas 3 sofridos (+22 de saldo). Com esta marca, o Verdão superou a campanha de 2015 do Boca Juniors, que venceu todos os seus jogos, mas teve menor saldo (19 marcados, dois sofridos e +17 de saldo).

Além disso, o Alviverde também terminou a fase de grupos com o melhor ataque da história, superando o River Plate em 2020, que marcou 20 gols.

Até aqui, somente Palmeiras, Boca Juniors, Vasco (2001) e Santos (2007) conseguiram 100% de aproveitamento na fase de grupos.

Próximos jogos
Pelo Brasileirão, o Palmeiras volta a campo no domingo (29), a partir das 16h, para clássico contra o Santos, na Vila Belmiro. No sábado (28), o Deportivo Táchira recebe o Monagas, a partir das 20h30, pelo Campeonato Venezuelano.

Ficha técnica
Palmeiras 4 x 1 Deportivo Táchira-VEN
GOLS: Palmeiras: Scarpa (15' 1°T e 22' 1°T pen.) e Rony (12' 2°T); Táchira: Guitiérrez (3' 2°T)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo e Jorge (Vanderlan); Gabriel Menino (Fabinho), Zé Rafael, Gustavo Scarpa (Jhonatan), Rony (Breno Lopes) e Dudu; Rafael Navarro (Wesley). Técnico: Abel Ferreira

TÁCHIRA: Varela; Camacho (Nelson Hernandez), Guitiérrez, Marrufo e Benítez (Restrepo); Colina, Cova, Flores e Figueroa (Ramirez); Arace (Marlon Fernandez) e Sinisterra (Uribe). Técnico: Alex Pallares.



VEJA TAMBÉM
- Assista aos bastidores do empate do Palmeiras contra o Avaí
- Milan demonstra interesse em Danilo
- "Com a quantidade de jogos que há, eu rezo", ironiza Abel sobre calendário brasileiro

LEIA TAMBÉM: Barcelona observará joia Endrick em torneio na França


E MAIS: No Brasileirão, Palmeiras vai buscar título inédito na era Abel Ferreira

E MAIS: Comissão técnica do Palmeiras pediu a manutenção de jovens da base













645 visitas - Fonte: verdaoweb.com

Mais notícias do Palmeiras

Notícias de contratações do Palmeiras
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou .

Últimas notícias

Próximo Jogo - Libertadores

Qua - 19:15 - Gen. Pablo rojas - SBT,ConmebolTV
Cerro Porteño
Palmeiras

Último jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Ressacada
Avaí
2 2
Palmeiras